Make your own free website on Tripod.com

 

O BARROCO NOS PAÍSES BAIXOS

 

O Barroco na Espanha

Um traço original do Barroco espanhol encontra-se na arquitetura. Quanto à pintura dentre os pintores mais representativos do Barroco espanhol esta   El Greco e Velázquez.

El Greco

El Greco (1541-1614) nasceu na ilha de Creta, o nome El Greco apresenta o artigo El do espanhol, o substantivo Greco do italiano, e significa Grego, indicando sua procedência grega.

Em suas obras pode-se perceber a verticalidade das figuras como por exemplo "O Encontro do Conde de Orgaz",A Ressurreição de Cristo e São Martinho e o Pobre

Velazquez

Além de retratar as pessoas da corte Velazquez (1599-1660) procurou registrar tipos populares do seu país, retratando o dia-a-dia do povo espanhol. Entre essas obras está "A Velha Cozinheira e O Aguadeiro de Sevilha". Os retratos de pessoas da corte estão" As Meninas e o conde -Duque de Olivares. Como Caravaggio, Velazquez soube trabalhar a luz para contrastá-la com áreas de sombra.

O Barroco nos Países Baixos

Na Bélgica, esse estilo manteve como característica as linhas movimentadas e a forte expressão emocional. Já na Holanda, ganhou aspectos mais próximos do espírito prático e austero do povo holandês.

Rubens

Rubens (1577-1640) em seus quadros é geralmente no vestuário que se localiza as cores quentes-  o vermelho, o verde e o amarelo -, que contrabalançam a luminosidade da pele clara das figuras humanas, como em "O Rapto da Filha de Leucipo, Caçada de Leões e Helena Fourment com seu Filho Francis." Além de colorista vibrante Rubens se notabilizou por criar cenas que sugerem, a partir das linhas contorcidas dos corpos e das pregas das roupas, um intenso movimento.

Hals

Hals (1581-1666) passou por uma evolução no domínio do uso da luz e da sombra. de início predominam os contrastes violentos, depois surgem os tons suavemente graduados, por fim, uma equilíbrio seguro da iluminação. Entre suas obras individuais estão " O alegre Bebedor e o Retrato de Isaac Abrahamsz".

Rembrandt

Rembrandt (1606-1669). O que dirige nossa atenção nos quadros desse pintor é a gradação a claridade,os meios-tons, as penumbras que envolvem áreas de luminosidade mais intensa.é assim por exemplo, nas telas"Mulher no banho, a Ronda Noturna, A Aula de anatomia do Dr. Joan Deyman e Os Negociantes de Tecidos.

 

Vermeer

Vermeer (1632-1675) trabalha os tons em plena claridade. Seus temas são sempre os da vida burguesa da Holanda. Seus quadros, como"A  Leiteira, A Pequena Rua, Mulher à Janela e A Rendeira", documentam com uma beleza delicada os momentos simples da vida cotidiana.

voltar